Justificada pelos baixos números de venda que os games musicais vem sofrendo, a Activision Blizzard confirmou nesta quarta-feira (09) o fim da divisão responsável pela franquia de jogos musicais Guitar Hero, cancelando, inclusive, um título da série que já estava em produção.

Além de Guitar Hero a série Dj Hero também deixará de ser produzida, junto com True Crime, que foi cancelado em razão da qualidade do título não estar alcançando níveis aceitáveis para a companhia.

Tomas Tippl, COO da Activision também revelou que Tony Hawk, mais uma série que anda mal das pernas, não terá nenhum novo lançamento em 2010.

Além da baixa receita também foi levado em conta a decisão de iniciar um processo de reestruturação dos negócios dentro da empresa, que abandona os gêneros musicais para se dedicar mais as “oportunidades que a companhia possui atualmente para criar as melhores experiências de entretenimento interativo do mundo.”

Segundo a companhia, apesar de seus games musicais deixarem de ser produzidos a Activision continuará a trabalhar para que novas faixas estejam disponíveis para download nos serviços online.

Dentre os novos planos está focar mais suas atenções na franquia de tiro em primeira pessoa Call of Duty, já consolidada no mercado e com uma vasta base de fãs instalada, além dos sucessos World of Warcraft e Starcraft.

Leonardo Marinho é apaixonado por games, viciado em tecnologia e apreciador de todas as formas de entretenimento. Quando possível ele tenta ser gamer, manter o Deu Tilt atualizado e levar uma vida normal. Sua consciência ainda não foi afetada pelas intempéries do tempo e ele aproveita essa façanha para redigir textos coerentes para o Deu Tilt. Ele faz o que pode…

Twitter YouTube