A Microsoft iniciou sua apresentação com o aguardadíssimo Call Of Duty Modern Warfare 3, mas que ainda não teve nenhum gameplay de multiplayer divulgado. No vídeo exibido, estava um pedaço do modo campanha Single Player, bem interessante, bons gráficos, com momentos subaquáticos, outros em lanchas, navios, submarinos, e terminando com uma entrada triunfal de lancha em um helicóptero estacionado em alto mar no meio do caos da 3ª guerra mundial.

O vídeo serviu somente para aumentar a ansiedade, pois esse jogo apesar de ser um clássico, definirá se Call Of Duty fará parte da lista de jogos da Activision, que após uma enorme e exaustiva sequência de “mais do mesmo” para gerar lucro, se desgasta e perde seu posto de shooter nº1, sendo enterrado como outras franquias foram. É bom a galera do Call Of Duty se cuidar, pois o Battlefield 3 vem aí!

http://www.youtube.com/watch?v=g-sSG7Q4u0E

Na sequência a Microsoft já engatou a apresentação de Tomb Raider, que está sofrendo o seu reboot mais do que merecido, que promete resgatar a qualidade clássica da franquia ao mesmo tempo em que a renova completamente. No vídeo em questão eles abusaram tanto do instinto de sobrevivência da musa, agora repaginada, Lara Croft, que chega a dar pena. É possível sentir a dor e o sofrimento dela, toda surrada em meio a ambientes totalmente insalubres, mal iluminados e alagados, com atenção aos mínimos detalhes. Nos momentos em que você passa na água ou alguma goteira pinga, este efeito é fielmente representado na tela, demonstrando que a sua visão é a do câmera que está acompanhando Lara em sua jornada.

Após o martírio da musa, subiu ao palco o presidente da EA Sports, Peter Moore que apresentou as novas edições (2012) de suas franquias esportivas: Tiger Woods PGA Tour, Madden NFL e FIFA, todos com suporte ao Kinect, mas tudo muito rapidamente, foi mais para demonstrar a apoio a Microsoft, tendo em vista que tudo seria apresentado mais afundo na conferência da própria EA.

Então entra em cena o aguardadíssimo Mass Effect 3, com Teaser e Gamplay, que demonstrou uma interessante jogabilidade utilizando os comandos de voz do Kinect (infelizmente esta função só está disponível até o momento nos idiomas japonês e Inglês) e é claro como sempre belíssimos gráficos, sem mais palavras sobre este jogo, confira no vídeo abaixo:

Logo em seguida foi apresentado “Tom Clancy’s Ghost Recon: Future Soldier”.

Abusando dos comandos de movimento do Kinect. A customização de armas é realmente muito interessante utilizando o sensor de movimentos da Microsoft, mas a jogabilidade em si é meio tosca. Confira o gameplay de Ghost Recon com o Kinect a seguir:

A Microsoft também apresentou o New Xbox Experience, uma série de serviços que deverão chegar ao console por meio de um update pela Xbox Live. O New Xbox Experience é uma espécie de nova dashboard compatível com comando de voz do Kinect, integração com o YouTube, busca no Bing (dentro do universo Xbox) e acessos a diversos canais de TV, além de músicas e filmes (que você também poderá comprar pelo console) e jogos. Tudo através do comando de voz, mas que também pode ser controlado pelo sensor de movimento do Kinect ou pelo controle convencional do 360.

Desde a E3 passada, quando lançou o Kinect, a Microsoft fez questão de frisar que o maior diferencial dele era o comando por voz, mas um ano depois ele ainda está disponível apenas nos idiomas Japonês e Inglês (ou seja, além de você ter que falar em um desses idiomas é necessário que a sua dashboard esteja em um destes idiomas para utilizar esta função), logo é meio estranho que ainda engatinhando nesse quesito a Microsoft venha lançar um recurso tão interessante como este chamando a atenção para sua utilização com o comando por voz.

Após isto, foi anunciado o UFC Live, o mais novo e exclusivo serviço para Xbox Live, que pode interessar muitos brasileiros que estão curtindo cada vez mais o esporte e o jogo. Pelo que entendi (posso estar enganado) do serviço você terá acesso as lutas do UFC ao vivo, e poderá fazer suas “apostas”, caso ela se concretize você ganha pontos e sobe em um ranking.

Já na sequência, a Microsoft coloca ao som de War Pigs do Black Sabbath um trailer de Gears Of wars 3:

Assim começava a apresentação de um dos jogos mais esperados da E3. Para a apresentação do Gameplay Co-op mode chamaram ao palco ninguém menos que, Ice-T, ele mesmo, o rapper precursor do Gangsta Rap e que muitos da nova geração conhecem como “Det. Odafin ‘Fin’ Tutuola” do seriado “Law & Order: SVU”.

Após a demonstração, eis que surge o símbolo da Crytek na tela. Quando se fala em Crytek o que nos vem a cabeça é Crysis, que é um jogo futurista. Mas no trailer que se seguiu o que dava a entender era um jogo com tema histórico!? Isso mesmo! Num jogo onde você luta no melhor estilo do império romano, utilizando nada mais nada menos do que o seu corpo para controlar (me agradou muito nesse caso a opção pelo Kinect) o personagem munido de espada e escudo, apesar de não ter sido um Gameplay, caso o jogo cumpra o que promete, será muito interessante:

Já emendando, foi exibido o trailer de Halo: Combat Envolved Aniversary, sim o primeiro jogo da série Halo receberá uma merecida re-edição agendada para a data de seu 10º aniversário no dia 15 de Novembro de 2011, com uma campanha totalmente remasterizada, co-op mode através da Xbox Live e todos os mapas clássicos de Multiplayer.

Sem maiores delongas, foi anunciado o também aguardadíssimo simulador de direção, “Forza Motorsport 4” (que será compatível com Kinect). Desfrute deste belíssimo trailer ao som de Kanye West:

Em seguida outra famosa franquia foi anunciada com direito a Gameplay, “Fable: The Journey” , que será no estilo “on rails” (sob trilhos), você jogará sentado, porém utilizando os comandos de movimento do Kinect (no melhor estilo Wii de ser).

Após estes anúncios grandiosos, uma série de anúncios, rápidos, porém, não menos importantes foram feitos, todos eles tendo como foco a jogabilidade com kinect. Os jogos são:

-Minecraft que inicia sua jornada nos consoles, por enquanto exclusivamente no Xbox 360:

http://www.youtube.com/watch?v=Vf-3qpZynrg

-Kinect Disneyland Adventures, onde as famílias poderão passear pelos parques da Disney utilizando seus avatares, além de poder interagir de forma mais “jogável” com algumas atrações como podemos ver no gameplay (ou seria um script rodando enquanto as crianças dublam!?) que ocorre na sequência no mesmo vídeo do trailer abaixo:

-Kinect Star Wars, que ao ser anunciado, levou a imprensa nerd especializada que estava no local ao delírio. Apesar dos gráficos belos, era nítido que versão exibida não está finalizada, ainda haviam bastante detalhes necessitando de acabamento, mas no geral agradou bastante principalmente por como foi aplicada a jogabilidade utilizando os comandos por movimento e por voz do Kinect:

-Sesame Street: Once Upon A Monster, isto mesmo a boa e velha turma da Vila Sésamo, se você não sabe do que se trata pergunte aos seus pais. Eles provavelmente saberão. Temos sempre que lembrar, videogames ainda são feitos para crianças (também), então nada mais justo do que ter um jogo que, segundo a proposta feita durante o gameplay, vai colocar os pais para se divertirem com suas pequenas crias na pele de Elmo e cia.:

http://www.youtube.com/watch?v=rEH7dyZ_jKk

-Kinect Fun Labs, que foi uma das maiores surpresas da noite, pois utilizou o periférico de movimentos da Microsoft de um jeito muito peculiar e inovador. Não é um jogo, é um aplicativo. Sua utilização foi demonstrada primeiro utilizando a captura de imagem do Kinect, que foi muito valorizada no vídeo de lançamento do acessório onde um garoto scanneava o shape do skate e o transportava para dentro do jogo, só que desta vez de forma muito mais surpreendente. Primeiro você fica numa posição favorável e o Kinect scanneia seu rosto. Em seguida você deixa que ele scanneie seu corpo (e roupa), então o console automaticamente cria um avatar fiel a suas feições reais e até mesmo a roupa que você estiver utilizando. A segunda função contida no Fun Labs e que foi demonstrada, foi o “Tracking Finger” nesta opção você pode brincar com fotos suas, mas esta eu não vou descrever aqui, vou deixar que vocês assistam abaixo, ainda no vídeo a seguir, a função de “scan” que citei anteriormente é mostrada de forma prática e mais próxima à exibida na E3 2009 com a ideia do skate, mas dessa vez uma mulher segura um bicho de pelúcia em frente ao Kinect, ele o scanneia, então a mulher que o segurava passa a controla-lo na tela através de seus movimentos como se aquele passasse a ser seu avatar:

- Kinect Sports: Season 2, é a continuação da divertidíssima série “Kinect Sports”, e que já começou bem, sendo exibido ao som de “Hello” de Martin Solveig & Dragonette e depois embalado por “Get This Party Started” da P!nk, ou seja, mantendo a tradição de fazer você praticar esportes ao som de boa música.

- Dance Central 2, que segundo o rapaz que o anunciou, é o jogo de dança mais vendido do Kinect, com algumas inovações como suporte a comando de voz, modo campanha e o modo “Breakdown” redesenhado. Mas a possibilidade para qual chamaram mais atenção foi o fato de “DC 2” agora possuir um modo multiplayer onde 2 pessoas podem dançar simultaneamente, ou seja uma evolução, tendo em vista que em Dance Central 1, as pessoas que estivessem jogando iam alternando durante uma mesma música. Fora todas estas melhorias teve uma que me agradou bastante e que poderia facilmente ser aproveitada por todos os jogos musicais, em Dance Central 2 você pode importar todas as músicas de Dance Central 1 (caso você já o possua é claro), ou seja, chega de ficar trocando de discos (e procurando em qual deles está) toda vez que quiser mostrar para os seus amigos aquela música na qual você arrasava. Enfim veja o gameplay do “multiplayer simultâneo” abaixo ao embalado pelo som de Usher, “DJ Got Us Fallin’ In Love”:

Na sequência Don Mattrick subiu ao palco e fez meio que um apanhado de tudo que a Microsoft exibiu na conferência. Ao se retirar, como quem guarda uma última carta na manga, começou a ser exibido no telão o trailer de nada mais, nada menos que Halo 4, trazendo Master Chief e Cortana, em uma fuga desesperada de uma nave em colapso, e que promete iniciar uma nova trilogia na série:

 

Enfim e isso foi tudo o que rolou de forma detalhada na conferência da Microsoft na E3 2011, caso você queira deixar sua opinião, crítica ou correção, sinta-se a vontade para fazê-lo comentando.

Caso você queira pode assistir a conferência completa aqui.

Carioca, aficionado por tecnologia, games, músicas, filmes, gadgets e seus mods. Apaixonado por cultura pop e pelas coisas que alcançam o mainstream, mas com qualidade. Atualmente cursando Sistemas de Informação pela faculdade UNIRIO. Atualmente é um dos Editores e Redatores do site http://deutilt.com.br/ sobre tecnologia e games. Já possuiu um Atari, Phantom System, Master System II, Mega Drive III, Nintendo 64, Playstation I, Nintendo Wii e atualmente é dono de um iPod Touch, Xbox 360 e Playstation 3.