Los Angeles – Nokia Theater, 9:00 am. Terça-feira dia 7, muitos jornalistas, muito tumulto, atrasos e uma só esperança: acompanhar ao vivo tudo o que a gigante japonesa detentora dos títulos Mario e Zelda, tem para revelar, suas inovações, supostos novos hardwares, esperança de novos modos online e, acima de tudo, novos jogos que virão até o final deste ano.

Antes do início da conferência, já no telão são mostrados informações acerca das principais franquias da Nintendo. Questionários e fichas sobre personagens e séries tentam acalmar os sedentos jornalistas e pessoas da indústria dos mais diversos cantos do globo para o início da tão aguardada coletiva da Nintendo na E3 2011, que irá se mostrar inovadora e ao mesmo tempo curta.

E começa o show. Ao melhor estilo Vídeo Games Live de ser, uma orquestra inicia a apresentação tocando temas da série Zelda com imagens no telão, passando pelos mais variados títulos em 3D da franquia até chegar ao novo The Legend of Zelda: Skyward Sword, com novíssimas imagens e dois anúncios: O lançamento para até as férias deste ano, e um novo WiiRemote baseado no título, em um verde-dourado com símbolos da franquia. Muita gente deve ter se emocionado com esse início musical e envolvente, e logo é chamado para subir ao palco nada menos que criador da série: Shigeru Miyamoto.

Miyamoto começa dizendo que ali, no palco, surgem boas memórias dos anos que se passaram. Mas logo seu fiel tradutor chega e os dois apresentam uma certa interação com a orquestra e fala sobre uma das maiores características da série, que são suas músicas e elementos sonoros, todos os quais com suas mais diversas funções dentro da história. É anunciado uma nova Soundtrack de Zelda OoT 3D, além de outros álbuns da série para ainda este ano. Sobem ao palco para prestigiar os 25 anos da série seus principais desenvolvedores: Takashi Tezuka, Yoshiaki Koizumi e Eiji Aonuma.

http://www.youtube.com/watch?v=L4BHmFDBzMk&feature=player_embedded#at=52

Satoru Iwata, diretor da Nintendo sobe ao palco e começa falando sobre a política de jogos da empresa e do público que joga seus games. Já dá indícios de uma nova plataforma e diz que ela se baseará em abranger ainda mais os jogadores, agora numa escala ainda mais profunda, para servir aos mais variados tipos de consumidores. Um vídeo prenuncia os futuros títulos mais aguardados para o 3DS e então entra no palco o gigante Reggie Fils Aime.

Com o slogan “Something for Everyone” Reggie anuncia as principais inovações para o portátil atual da BigN, o Nintendo 3DS. E a lista começa:

Mario Kart – Agora com inovações que incluem muitas customizações. Voar de asa delta e dar um mergulho sobre as praias irá se tornar moda na série a partir de hoje.

Star Fox 64 3D – Um clássico totalmente remodelado que transparece toda a nostalgia e adrenalina da série, agora com modos multiplayer ainda mais interessantes com retratos reais dos jogadores.

Super Mario – Este sim esperadíssimo. Agora Mario possui todas as habilidades que aprendera em suas versões em 2D e 3D. O jogo se configura num misto entre os mais diversos capítulos da série ao voltar com a habilidade em tornar-se guaxinim, e cenários que se assemelham à New Super Mario Bros com uma pitada de Mario 64.

Kid Icarus – Enfim é anunciado para até o final deste ano um novo jogo da série Kid Icarus, que permanece ausente por 20 anos desde sua continuação Kid Icarus: Of Myths and Monsters para Game Boy. Elementos mitológicos, usos de realidade aumentada e multiplayer inovador são os novos fatos desta super volta da série em novo estilo.

Luigi’s Mansion 2 – Uma continuação pra valer. Novos mapas, nova história, enigmas e todo aquele toque de terror hilário que só a Nintendo sabe proporcionar.

Outros títulos também foram anunciados, como Resident Evil: The Mercenaries 3D, Sonic & Mario at the London Olimpic Games, Ace Combat 3D, Tetris, Cave Story 3D, Resident Evil: Revelations, Driver Renegade, Pac-Man e Galaga Dimensions, Tekken 3D, Metal Gear Solid: Snake Eater 3D.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=xfJOkehc3vk

Foi falado sobre o novo serviço virtual da Nintendo com o E-Shop, do 3DS, que iniciará com um Virtual Console, em que poderão ser baixados títulos de Game Boy/Color, nada mais convencional. E o anúncio sobre um novo título da série Pokémon, que irá utilizar novas maneiras de interação baseados na vida real, como o spot pass, interação com amigos e algumas marcas especiais de Pokémon. Enfim, o 3DS chega com muitas promessas de interatividade, além de grandes títulos ressurgidos.

Wii U – O Console da Vez!

Envolto em mistérios, eis que a segunda parte do evento chega. Agora, Reggie continua falando das interações que um novo videogame da Nintendo deve ter. Começa falando do título ‘We’ que marcou o Wii pela idéia de que todos podem jogar. Logo em seguida fala sobre um outro termo, um que está mais diretamente ligado ao jogador, a você mesmo, ‘you need’ ‘you define’ são palavras expressas por ele, e é aí que surge o ‘Wii U’.

É dado um extremo foco no novo controle do videogame, complexo por dentro porém simples para o usuário. Ele se assemelha a um tablet, porém com os botões já conhecidos do antecessor Wii. É exibido um vídeo, como de costume, para mostrar como irá funcionar este novo conceito. Logo após, a reação do público: alguns aplausos e outras mentes meio confusas, ninguém ainda sabia ao certo se aquilo se tratava de um novo videogame ou se era apenas um acessório, o que causaria uma grande frustação, visto as diversas especulações feitas até o presente momento acerca do Project Café.

Mas logo Mr. Iwata aparece para explicar que na verdade trata-se de um console – muito parecido com o Wii – com tudo o que os fãs sempre esperaram da BigN: Gráficos HD, maior apoio de franquias third parties, e muito mais voltado para jogadores hardcore, mas sem abandonar o conceito de casualidade que tanto dominou o Wii.

“You”, “your friends”, “your family” nas palavras de Iwata são o que melhor definem a ideia do novo console, idealizado pelo mestre Shigeru Miyamoto, preocupado com facilidades no desenvolvimento entre as produtoras de outros consoles e nas inúmeras formas de jogar. O anúncio do mais novo Super Smash Bros é feito para o Wii U e 3DS.

É mostrado um exemplo da capacidade de processamento do Wii U através de um novo vídeo.

Logo em seguida foram apresentados diversos títulos para o novo Wii U, muitas franquias nunca antes surgidas num console da Nintendo. Aliás, essa parte da demonstração mais se parecia com a de alguma Microsoft ou Sony. Segue a lista: Darksiders 2, Dirt, Aliens – Colonial Marines, Tom Clancy’s Ghost Recon Online, Metro Last Night; Tekken, Ninja Gaiden 3.

A coletiva termina com Reggie Fils Aime ao dar um breve comentário sobre o que foi apresentado e dizendo que a Nintendo, agora dará ainda mais apoio para manter atualizado o seu sistema online, com muitas informações, vídeos, entrevistas e tudo o mais que qualquer fã sempre quer ver.

Leonardo Marinho é apaixonado por games, viciado em tecnologia e apreciador de todas as formas de entretenimento. Quando possível ele tenta ser gamer, manter o Deu Tilt atualizado e levar uma vida normal. Sua consciência ainda não foi afetada pelas intempéries do tempo e ele aproveita essa façanha para redigir textos coerentes para o Deu Tilt. Ele faz o que pode…

Twitter YouTube