Dos dias 9 a 13 de março foi realizada, no Moscone Center, em San Francisco (EUA), a Game Developers Conference (vulgo GDC). Evento que reúne programadores, designers e todo tipo de gente ligada ao desenvolvimento de games, bem como as principais empresas do ramo. Na GDC são anunciadas as principais novidades na área de desenvolvimento e, claro, algumas empresas reservam anúncios bem interessantes, como datas de lançamento, demos jogáveis e trailers. O típico evento de games, só que com um foco maior nas ferramentas para desenvolvedores.

A GDC deste ano teve pouca repercussão e na internet só se falava em outra coisa. Não tivemos novidades tão significativas quanto aquelas que permeiam eventos como E3 ou Tokyo Game Show. Mas alguns pontos da GDC merecem comentários. Bom, vamos a eles:

On Live Ganha data de lançamento
O OnLive ganhou data de lançamento norte americano. A partir de 17 de junho deste ano o serviço estará disponível apenas nos Estados Unidos e será distribuído como um aplicativo para Windows e Mac. Os interessados em utilizá-lo na televisão deverão comprar um micro-console para tal finalidade (ainda sem data de lançamento).

O sistema, a princípio, estará disponível em 48 Estados norte americanos, pela mensalidade e U$ 14,95, não incluindo o valor dos jogos que o usuário desejar comprar. O serviço só irá disponibilizar jogos em alta definição em meados de 2011. Infelizmente nada foi divulgado sobre o lançamento internacional do produto.

O On Live foi anunciado na GDC 2009 e chamou a atenção do público pela premissa de trazer o conceito de computação em nuvem (Cloud Computing) para o mundo dos games. A idéia é fazer com que os jogos sejam executados direto nos servidores da companhia e não na máquina do jogador. Desse modo o usuário poderá jogar games de última geração sem a necessidade de gastar altas quantias para manter seu computador sempre com uma configuração otimizada.

A Rearden Studio desenvolveu uma tecnologia única de compressão que permite que o jogador receba grandes quantidades de dados em poucos instantes. Entretanto, segundo os fabricantes, para jogos com qualidade padrão o recomendado é uma conexão de 1,5Mbps, enquanto games em alta definição demandam, no mínimo, 5Mbps.

Dentre as produtoras que formaram parceria e pretendem utilizar a tecnologia estão Electronic Arts, THQ, Eidos, Codemasters, Ubisoft, Atari, Warner Bros., Take-Two e Epic Games.

Nova versão do XNA Game Studio
A Microsoft anunciou a nova versão do XNA Game Studio, sua plataforma para desenvolvedores independentes de games. Usando a ferramenta é possível desenvolver jogos e distribuí-los para PC e Xbox Live. A nova versão 4.0 agora também permite criar jogos para a linha de celulares Windows Phone 7 Series.

Outras novidades são a inclusão de avatares em 2D, suporte a achievements e aceleração 3D no Windows Phone 7 Series.

Apesar do anúncio ainda não há data de lançamento para o XNA Game Studio 4.0.

Deus Ex: Human Revolution foi confirmado
Deus Ex teve sua terceira versão confirmada durante a GDC. Deus Ex: Human Revolution promete manter o estilo de tiro em primeira pessoa misturando elementos de RPG, uma combinação que fez sucesso e marcou a franquia. O visual combina características de moda atual com estilos oriundos da Renascença.

Um dos temas centrais do jogo promete ser o transumanismo, o conceito de utilizar a biotecnologia, nanotecnologia e outros campos de pesquisa para modificar a vida humana com próteses e partes cibernéticas. O jogo se focará no conflito entre essas formas de vida modificadas e a tentativa do homem de brincar de Deus.

Com lançamento previsto para 2010 o título terá versões para PC, Xbox 360 e Playstation 3.

Playstation Move, o Wii-Remote da Sony
O maior anúncio da GDC veio por parte da Sony. A empresa finalmente revelou detalhes sobre seu controle sensível ao movimento. Agora oficialmente chamado de Playstation Move.

Dividido em duas partes (como o Wii-Remote) a porção principal do controle possui uma esfera luminosa e exagerada na ponta, na qual o Playstation Eye (câmera) irá se basear para definir a localização do acessório. Também possui um gatilho na parte traseira, os botões X, O, quadrado e triângulo e um grande botão principal.

A segunda metade do Playstation Move possui um analógico, um D-Pad, os botões X e O e um gatilho na parte traseira. Diferente do Wii Remote não é necessário nenhum tipo de cabo conectando as duas porções do controle. Aqui é tudo sem fio – e menos discreto também.

Os games que utilizam a tecnologia seguem a mesma premissa dos jogos de Wii, onde os movimentos feitos pelo jogador, de posse do controle, são transmitidos para o console e reproduzidos na tela do game.

Durante o evento foram demonstrados diversos jogos, dos quais se destacam Sports Champion( uma coletânea de minigames), Motion Fighters (jogo de luta) e Socom 4( jogo de tiro, que utiliza o controle para comandar a mira).

O Playstation Move tem o lançamento programado para o último trimestre do ano e terá duas opções disponíveis. A primeira trará apenas os controles e a Playstation Eye e deverá custar menos de U$ 100. A outra será um pacote completo junto com o PS3.

A empresa também divulgou o nome das companhias que já estão trabalhando em títulos que utilizem a tecnologia do Playstation Move. No total a Sony promete cerca de 20 títulos até abril de 2011. Confira a lista:

• 505 Games
• Activision
• AQ Interactive
• Arc Systems Work
• Atlus
• Bigben Interactive
• Capcom
• CCP
• Crave Entertainment
• Cyberfront Corporation
• Disney Interactive Studios
• Electronic Arts
• From Software
• Game Republic
• Gust
• HusonSoft
• Irem Software Engineering
• Koei
• Konami Digital Entertainment
• Majesco Entertainment
• Marvelous Entertainment
• Namco Bandai Games
• Ongakukan
• Oxygen Games
• Paon Corporation
• Q Entertainment
• Q-Games
• Sega
• Sony Online Entertainment
• Spike
• Square Enix
• Tecmo
• THQ
• Ubisoft
• Warner Bros• Interactive Entertainment
• Zoo Entertainment

***

E estas foram as principais notícias da GDC 2010. Bem poucas, mas eu avisei, não foi? Pelo menos agora sabemos o que vem pela frente em 2010.

De um lado o Wii, com seus títulos exclusivos e sua grande base instalada de consoles. Do outro a Microsoft e seu Project Natal, que promete expandir o conceito iniciado pela Nintendo e conquistar de vez os consumidores. E no meio disso tudo a Sony tenta reconquistar sua parcela do mercado e emplacar de vez o Playstation 3.

Vai ser caro, vai ser divertido e vai ser muito interessante ver a briga entre essas três gigantes do mercado de games.

E você, o que acha? Qual delas vai levar a melhor? Qual novidade você está mais ansioso para testar?

Não se esqueça de votar na nossa enquete e depois comentar aqui mesmo sobre tudo o que pensa. Afinal, sua opinião muito me interessa.

Leonardo Marinho é apaixonado por games, viciado em tecnologia e apreciador de todas as formas de entretenimento. Quando possível ele tenta ser gamer, manter o Deu Tilt atualizado e levar uma vida normal. Sua consciência ainda não foi afetada pelas intempéries do tempo e ele aproveita essa façanha para redigir textos coerentes para o Deu Tilt. Ele faz o que pode…

Twitter YouTube