Cirurgias plásticas e outras mágicas da medicina moderna não são exclusividade apenas de madames cheias de dinheiro e que fogem de rugas como o diabo foge da cruz. Os games as vezes também lançam mão desse pequeno artifício e presenteiam nossos heróis com algumas repaginadas no visual, porque não adianta salvar o mundo e continuar com o mesmo visual brega de sempre.

A galera a seguir são os personagens que sofreram as maiores mudanças de visual já vistas no mundo dos games. Alguns para melhores, outros, infelizmente, para piores.

5. Príncipe (Prince of Persia)

Antes

O príncipe sem nome de Prince of Persia começou sua vida no mundo dos games de maneira bem singela. Ele, como muitos outros personagens, não passava de alguns pixels amontoados na tela e que os jogadores exercitavam sua imaginação para crer que aquilo era, de fato, um príncipe.

A franquia fez sucesso, cresceu e tomou novos rumos, em Prince of Persia 3D as mudanças já eram visíveis. Mas foi somente na trilogia das areias do tempo que o visual realmente tomou um novo rumo. No primeiro game o príncipe ainda manteve boa parte de sua pureza e as boas maneiras, mas conforme a aventura progrediu o rapazinho descobriu que para sobreviver precisaria de muito mais do que boas intenções. Até que…

Depois

De um príncipe mimado e engomadinho ele se tornou um guerreiro sanguinário, impiedoso e solitário. Cabelos desarrumados, olheiras, roupas sujas de sangue e um olhar que revela total ausência de outro sentimento a não ser ódio passaram a ser a marca registrada do personagem. O grande barato é que, ao longo da trilogia o jogador acompanha, detalhadamente, os acontecimentos que levaram a essas profundas mudanças, que vão muito além apenas do visual.


4. Sonic (Sonic the Hedgehog)

Antes

Baixinho, sorridente, sempre rápido e, o mais importante, sinônimo de bons games, esse era o Sonic dos anos 90. O mascote da SEGA foi o único concorrente à altura de Mario até o fracasso do Dreamcast e a SEGA ter abandonado o mercado de hardware e o ouriço se aventurar pelas plataformas dos antigos concorrentes.

Tudo ia bem até a SEGA decidir que era hora de Sonic entrar de vez no mundo 3D, mudaram a jogabilidade, o esquema dos cenários e, já que estavam mudando tudo (e depois descobriríamos que mudaram até a qualidade dos jogos), decidiram dar também um novo visual ao ouriço.

Depois

Magrelo, alto, metido a besta e com uma atitude bem radical e elevada alto estima. Esse é o novo Sonic que, no final das contas acabou não sendo má ideia. Ele até aprendeu a falar. E como fala. Fala até demais de vez em quando.

Vez ou outra ele aparece com alguns acessórios como armaduras de cavaleiros, espadas, umas pranchas de skate voadoras e um óculos escuro, sim ele adora tirar onda. Definitivamente Sonic deixou de lado o visual de bichinho de estimação fofolete e simpático que todo mundo quer ter e agora virou um cara descolado e radical que todo mundo gostaria de ser.

3. Chris Redfield (Resident Evil)

Antes

Integrante do time Alfa do S.T.A.R.S (Esquadrão de Táticas e Resgates Especiais), de Racoon City, Chris debutou nos games como um jovem de aparência quieta e inofensiva, sem grande porte físico e com cara de quem acabou de entrar na puberdade, ainda sem conhecer muito bem as malícias da vida.

Mas enfrentar uma horda de zumbis, cães-zumbi, tubarões, plantas mutantes e outras aberrações genéticas durante anos ativam o instinto de sobrevivência e fazem qualquer um desenvolver uma personalidade mais durona. E foi o que aconteceu com ele…

Depois

Animal Pack e muitos outros anabolizantes foram a dieta de Chris durante alguns anos. Essa é a única explicação para o novo visual marombado do personagem. O menino inofensivo agora parece um gorila com braços da largura de troncos de árvore e personalidade forte e decidida. Some a isso o fato do camarada usar um armamento pesado em Resident Evil 5 e você tem uma verdadeira máquina de guerra conta qualquer organização inescrupulosa que queira testar suas experiências genéticas nos pobres cidadãos.


2. Raiden (Metal Gear Solid)

Antes

Andrógeno. Isso resume bem em uma única palavra como era Raiden em sua primeira aparição, em Metal Gear Solid 2: Sons of Liberty. O jogador, frustrado após descobrir que só era possível jogar com Solid Snake durante o prólogo da aventura, ficava mais furioso ainda quando descobria, a cada instante de jogo, que Raiden era inseguro, sentimental ao extremo, incapaz de ter opinião própria, que fazia o que lhe mandavam sem nunca questionar e ainda podia ser facilmente confundido com alguma donzela perdida no meio da ação por algum telespectador desavisado… Resumindo, o cara era um mala e ainda parecia uma mulherzinha.

Depois

Após anos sendo chamado de mulherzinha pela comunidade gamer, Raiden voltou chorando para o colo de seu criador, Hideo Kojima, que lhe conferiu um visual digno de alguém que pretende conquistar o mínimo de respeito. O rostinho de bebê deu lugar a uma aparência de mal encarado e seu corpo agora é composto por um exoesqueleto de altíssima resistência. As mudanças não foram somente externas (ainda bem), agora Raiden tornou-se mais decidido, confiante, possuidor de suas próprias convicções e, o que é melhor, doido pra chutar bundas e fatiar alguns desavisados com sua lâmina. Mas por que o Kojima não nos apresentou esse Raiden desde o início? Vai entender o que se passa na cabeça desse japonês…

1. Link (The Legend of Zelda)

Em primeiro lugar em nossa lista está Link, da série The Legend of Zelda. Nenhum outro personagem do mundo dos games sofreu tantas mudanças no visual quanto Link. Dentre as mil faces do herói vamos analisar as mais marcantes e suas principais mudanças.

Antes

Como muitos personagens na época Link surgiu como uma figura básica. Um camarada baixinho que usava um gorro e roupas verdes enquanto segurava uma espada e um escudo. O visual de Link sofreu poucas alterações nas gerações 8 e 16 bits, quando seus jogos clássicos foram lançados e a série Zelda tornou-se sinônimo de qualidade. Mas o herói também tinha que debutar no mundo 3D e, portanto, merecia um novo visual que fizesse jus a sua fama. Foi quando o mundo conheceu o novo Link.

Depois

Foi em Ocarina of Time que descobrimos o novo visual de Link, que surpreendeu o mundo ao revelar sua vida como criança e adulto, o garoto puro e ansioso para explorar o mundo, e o homem maduro e corajoso pronto para os maiores desafios de sua vida. Ele agora era loiro, abandonando de vez os cabelos castanhos dos games anteriores, e o uso de acessórios era bem vísivel, incluindo braceletes, botas, novas roupas e modelos de escudo.

E depois

Esse foi um divisor de águas. A Nintendo abandonou os polígonos e abraçou o cell-shading, adotando um visual cartunesco para o herói. Os fãs ficaram divididos entre os que odiaram a novidade com todas as suas forças e os que gostaram da ideia e deram boas vindas ao novo Link.

Em troca de gráficos mais detalhados o personagem ganhou maior variedade de expressões faciais. Ao longo do jogo Link sorria, se contorcia de dor, demonstrava espanto e felicidade com maior expressividade do que nunca.

O cell-shading se manteve nos próximos jogos para os portáteis da Nintendo, o Game Boy Advance e o DS, além de uma aparição especial na série Smash Bros com leves mudanças apenas e um visual mais harmonioso. O Link cartunesco deu tanto o que falar que acabaram criando um apelido carinhoso para ele, Toon Link.

E depois

Em Twilight Princess, Link recebeu o que para muitos fãs é considerado seu visual definitivo. Para a legião de descontentes com sua versão cartoon, esse novo Link foi a redenção do herói, que agora apresentava uma aparência mais realista e condizente com o estilo mais sombrio do game.

O nível de detalhes é o maior já visto em toda a série, sua vestimenta é composta por diversos níveis de tecido e vários acessórios como luvas, cintos e brincos. Tudo com uma caracterização ao estilo medieval. Dessa vez a Nintendo acertou em cheio na cirurgia plástica que fizeram em nosso herói.


Bônus Round: Num futuro não muito distante

Dante (Devil May Cry)

Até mesmo Dante, o demônio sarcástico e cheio de estilo de Devil May Cry está passando por uma cirurgia plástica para acompanhar seu novo game, que trará um reboot da série. Seus cabelos brancos e o visual estiloso deram lugar a um personagem mais jovem e moderno, agora com cabelos curtos e negros, com aspecto doentio e de personalidade rebelde e agressiva.

Não se tem muitos detalhes acerca da mudança e de como será o novo game. Mas o novo visual de Dante já despertou discussões pela comunidade gamer, enquanto alguns gostaram outros afirmam que o personagem está mais genérico e parecido com um “emo” ou algo entre um vampiro e um zumbi. Seja como for o bom e velho Dante mudou. Se será definitivo ou não isso não é possível prever.

Leonardo Marinho é apaixonado por games, viciado em tecnologia e apreciador de todas as formas de entretenimento. Quando possível ele tenta ser gamer, manter o Deu Tilt atualizado e levar uma vida normal. Sua consciência ainda não foi afetada pelas intempéries do tempo e ele aproveita essa façanha para redigir textos coerentes para o Deu Tilt. Ele faz o que pode…

Twitter YouTube